ESPÉCIES AMEAÇADAS DE EXTINÇÃO NO PLANETA

Segundo a Organização das Nações Unidas (ONU), o crescimento populacional associado a padrões de consumo insustentáveis pela natureza ameaça a biodiversidade. A edição de 2014 do relatório Planeta Vivo, do Fundo Mundial para a Natureza (WWF, sigla em inglês), aponta o declínio geral de 40% do acervo biológico em 30 anos, envolvendo espécies florestais, marinhas e de água doce. As espécies de água doce diminuíram 54%.

Lista vermelha

A União Internacional para a Conservação da Natureza (UICN) enumera, na edição de 2007 de sua Lista Vermelha de Espécies Ameaçadas, 15.891 espécies que estão em via de desaparecer – 5.482 a mais que no levantamento anterior, de 2002. O aumento não se deve a um processo de extinção em massa, mas pode ser explicado pela inclusão de relações inéditas de espécies ameaçadas de anfíbios e de vegetais. O caso dos anfíbios é especialmente alarmante: no mundo, uma em cada três espécies desses animais corre o risco de extinção.

Cites

Outra lista de espécies ameaçadas é atualizada periodicamente pela Convenção sobre o Comércio Internacional das Espécies da Flora e da Fauna Selvagens em Perigo de Extinção (Cites, sigla em inglês). O objetivo da organização é controlar o nível de preservação dos animais silvestres e das plantas comercializados no mundo. A lista geral, dividida por apêndices conforme o grau de perigo enfrentado pela fauna e flora, inclui 5 mil espécies animais e 28 mil de plantas, como o mogno brasileiro. A escolha é definida por representantes dos 166 países que até dezembro de 2007 aderiram à convenção.

www.megatimes.com.br

AMBIENTALISTA

Ambientalista

(1) Termo criado para traduzir environmentalist, para nomear a pessoa interessada ou preocupada com os problemas ambientais e a qualidade do meio ambiente ou engajada em movimento de defesa do meio ambiente. Também usado para designar o especialista em ecologia humana. (2) Pessoa que é partidária do ambientalismo. Incluem-se entre os ambientalistas, normalmente, pessoas das mais diferentes origens, mas particularmente aquelas que exercem atividades ligadas aos ambientes naturais, e assim mais afetadas aos diversos imapactos ambientais ou conscientes de sua gravidade. Especialista em questões ambientais.

Fonte: www.megatimes.com.br

O QUE SÃO AGROFLORESTAS?

Agroflorestas

Sistemas produtivos nos quais a produção de bem(ns) florestal(is) está associada à produção de alimentos para o homem. São constituídas numa determinada área, por várias espécies perenes, envolvendo espécies arborescentes madeiráveis (para uso local ou abastecimento de indústrias do setor florestal), espécies frutíferas, condimentares, medicinais, melíferas, café, cacau, espécies de uso múltiplo, etc.

Fonte: http://www-geografia.blogspot.com.br

BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO URUGUAI

BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO URUGUAI

Com cerca de 175 mil quilômetros quadrados, a região é constituída pela parte brasileira da bacia do Uruguai, rio que surge da união dos rios Peixe e Pelotas. Tem grande importância tanto pelo seu potencial hidrelétrico como pela grande concentração de atividades agroindustriais. O trecho navegável do rio Uruguai fica entre São Borja e Uruguaiana (RS).

Fonte: http://www-geografia.blogspot.com.br

BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO PARAGUAI

A região é constituída pela bacia brasileira do rio Paraguai e abriga a grande planície úmida do Pantanal, patrimônio nacional desde 1988 e Reserva da Biosfera da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) a partir de 2000. Com sua nascente em território brasileiro, na serra do Araporé, próxima a Cuiabá (MT), o rio Paraguai tem uma bacia de 1 milhão de quilômetros quadrados, um terço no Brasil e o restante na Argentina, na Bolívia e no Paraguai. É utilizado em larga escala para a navegação.

Fonte: http://www-geografia.blogspot.com.br

BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO TOCANTINS - ARAGUAIA

BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO TOCANTINS - ARAGUAIA

Ocupando 767 mil quilômetros quadrados, a região é definida pela bacia do rio Tocantins. O rio nasce em Goiás e desemboca na foz do Amazonas, mas o único trecho navegável fica entre Belém (PA) e Peixe (GO); parte de seu potencial hidrelétrico é aproveitada pela Usina de Tucuruí. O rio Araguaia nasce em Mato Grosso, na divisa com Goiás, e une-se ao rio Tocantins no extremo norte do estado de mesmo nome.

Posts Relacionados