Gato da Floresta (Felis chaus)

Tags

Gato da Floresta (Felis chaus)

Gato da Floresta (Felis chaus)
O gato-da-floresta é um felino de tamanho médio e considerado a maior espécie de gato-selvagem do gênero Felis. A espécie também é chamada de lince-do-pântano, mas não está relacionada com os linces.

Um pouco maior que o gato doméstico, o gato-da-floresta varia de 55-94 cm de comprimento, além de um cauda relativamente curta de 20-31 cm. O peso varia de 3-12 kg. Os machos são ligeiramente maiores que as fêmeas. Devido às pernas longas e cauda curta, e o fato de que as orelhas têm um tufo de pelo preto no inverno, esse felino lembra um pequeno lince (daí o nome "lince do pântano").

Distribuição e habitat
Os gatos-da-floresta são em grande parte oriental na distribuição e encontrado no Egito, na Ásia Central e Ocidental, mas também no sul da Ásia, Sri Lanka e Sudeste da Ásia. Na Índia, eles são os felinos mais comuns entre os pequenos felinos encontrados lá.

Eles habitam vários habitats, por exemplo savanas, florestas tropicais secas e as plantações ao longo dos rios e lagos, mas, ele não é encontrado em florestas. Em algumas áreas o gato-da-floresta chega próximo aos vilarejos e pode viver em casas abandonadas. Os gatos-da-floresta podem viver em altitudes acima de 2.500 m, mas, é mais comum nas terras baixas. O gato-da-floresta caça durante o dia roedores, rãs e pássaros. Aqueles gatos que vivem próximo da água são hábeis para nadar e mergulhar em busca de peixes.

Gato da Floresta (Felis chaus)

Ecologia e comportamento
Os gatos-da-floresta são solitários por natureza. Eles descansam em tocas e buracos abandonados por outros animais, buracos de árvores ou em áreas de vegetação densa. Embora muitas vezes ativos à noite, eles são menos noturnos do que muitos outros felinos, e na época de frio pode se expôr ao sol durante o dia. Estima-se que eles percorram entre 3-6 km por noite, embora esta probabilidade varia de acordo com a disponibilidade de presas. Os principais concorrentes do gato-da-floresta são o chacal e outros gatos-da-floresta.

Seus predadores mais comuns incluem crocodilos, ursos, lobos e outros felinos maiores, como os tigres. Quando ameaçado, o gato-da-floresta irá vocalizar antes de se envolver em um ataque, produzindo rugidos de pequeno porte, um comportamento incomum para gatos domésticos.

Gatos-da-floresta caçam principalmente roedores, sapos e pássaros. Eles também podem caçar lebres, esquilos, javalis jovens, bem como vários répteis, incluindo tartarugas e cobras. Eles podem, as vezes, capturar peixes enquanto mergulham, mas nadam principalmente para disfarçar o cheiro das trilhas ou para escapar de ameaças, tais como cães ou humanos. Foi observado que eles são capazes de nadar cerca de 1,5 km. Próximos a vilarejos de pessoas, eles podem alimentar-se de galinhas e patos domésticos. Eles também podem subir em árvores.

Gato da Floresta (Felis chaus)

Reprodução
As fêmeas estão sexualmente maduras aos 11 meses e dão à luz ninhadas de 1-6 filhotes, embora mais de três é relativamente incomum. A gestação dura 63-66 dias e é extremamente curta para um animal deste tamanho. Os filhotes nascem geralmente entre dezembro e junho, dependendo do clima local, embora as fêmeas às vezes dão à luz a duas ninhadas por ano. Antes do nascimento, a mãe prepara uma toca em um buraco abandonado por outro animal ou numa árvore oca.

Os filhotes pesam 43-160 g quando nascem, tendendo a ser muito menor na natureza do que em cativeiro. Inicialmente cegos e indefesos, eles abrem seus olhos em 10-13 dias de idade. Os filhotes começam a caçar suas próprias presas em cerca de seis meses, e deixam a mãe depois de oito ou nove meses.

O gato-da-floresta tem uma expectativa de vida em cativeiro de 10-12 anos. Na natureza, no entanto, há registros de que alguns viveram por cerca de 20 anos.

Gato da Floresta (Felis chaus)
Subespécies
    Felis chaus affinis - região do Himalaia
    Felis chaus kutas - norte do Paquistão
    Felis chaus furax - Israel and Iraque
    Felis chaus nilotica - Vale do Nilo no Egito
    Felis chaus fulvidina - Sudeste da Ásia - Tailândia, Miamar, Laos, Cambodja e Vietnã
    Felis chaus maimanah - noroeste da Jordânia, leste do Iraque ao longo dos rios Tigres e Eufrates, Irã, em direção ao norte e oeste do Líbano, Síria e Turquia
    Felis chaus prateri - oeste da Índia leste do Paquistão
    Felis chaus kelaarti - Sri Lanka
    Felis chaus oxiana - regiões da Ásia Central

Gato da Floresta (Felis chaus)
Gato da Floresta (Felis chaus)