Tubarão Tigre | Características Gerais do Tubarão Tigre (Galeocerdo cuvier)


Tubarão Tigre | Características Gerais do Tubarão Tigre (Galeocerdo cuvier)

Tubarão Tigre | Características Gerais do Tubarão Tigre (Galeocerdo cuvier)O Tubarão-tigre (Galeocerdo cuvier) é um dos mais temidos tubarões, pertence à família dos carcarrinídeos de águas tropicais e subtropicais, encontrado em diferentes ambientes e comum no Nordeste do Brasil. Chega a medir até 6 m de comprimento, possuindo corpo robusto, cabeça larga e achatada, focinho curto e arredondado, nadadeira caudal pontuda, dorso variando de cinza-escuro a cinza-amarronzado com manchas escuras verticais.

É muito agressivo, sendo a espécie com maior número de ataques. Sua pesca comercial é realizada com espinhel e rede pesada. O seu nome provêm das riscas pretas que apresenta ao longo das costas, que vão desaparecendo à medida que o tubarão envelhece.

O tubarão-tigre é um predador perigoso, conhecido por comer uma reportório notável de coisas. A sua dieta inclui normalmente peixe, focas, tubarões mais pequenos, lulas e até tartarugas. Já foram encontradas matrículas e pedaços de pneus no seu tracto dogestivo. Este tubarão tem ganho uma recente notoriedade devido aos seus ataques a mergulhadores e surfistas no Hawaii.

Tubarão TigreO tubarão-tigre encontra-se em segundo lugar, ultrapassado apenas pelo tubarão-branco, no que toca ao número de fatalidades humanas, e é considerado, junto com o tubarão-branco, o tubarão-touro e com o tubarão-de-ponta-branca, um dos mais perigosos para o ser humano.

Também é conhecido pelos nomes de cação-jaguara, cação-tintureiro, jaguara, tigre, tubarão-jaguara, tubarão-tigre, tubarão-tintureira.


Tubarão Tigre | Características Gerais do Tubarão Tigre (Galeocerdo cuvier)

O tubarão-tigre é uma espécie de tubarão da família Carcharhinidae e o único membro do gênero Galeocerdo. Conhecidos também como tigres do mar, tubarões-tigre são macropredadores relativamente grandes, capazes de alcançar mais de 5 m comprimento. São encontrados em muitas águas tropicais e temperadas em todo o mundo, e é especialmente comum em torno das lhas do Pacífico Central. Seu nome deriva das listras escuras em seu corpo, que se assemelham ao padrão de listras do tigre e desaparecem a medida em que o tubarão envelhece.

Sendo um dos maiores tubarões do mundo, o tubarão-tigre geralmente atinge um comprimento de 3 a 4,2 m e pesa cerca de 385-635 kg. Alguns machos podem atingir até 4,5 m de comprimento e as fêmeas até 5,5 m.

O tubarão-tigre é solitário, e principalmente um caçador noturno. Sua dieta consiste de uma grande variedade de presas, incluindo crustáceos, peixes, focas, pássaros, tubarões menores, lulas, tartarugas, serpentes marinhas e golfinhos. É considerado uma espécie quase ameaçada, devido à pesca para retirada das suas barbatanas.

Embora o tubarão-tigre seja considerado um dos tubarões mais perigosos para os seres humanos, o número de ataques é surpreendentemente baixo de acordo com pesquisadores. É o segundo na lista de número de ataques registrados a seres humanos, com o grande tubarão-branco sendo o primeiro da lista. Eles costumam visitar os recifes de pouca profundidade, portos e canais, criando a possibilidade de encontros com seres humanos.

Tubarão Tigre
Características: cabeça grande, focinho curto e arredondado, e uma boca muito larga. Corpo delgado, com uma quilha baixa de cada lado da parte caudal, e uma nadadeira com lóbulos estreitos e ápices agudos. Seus dentes são parecidos em ambas mandíbulas, com forma de crista de galo e fortemente afiados. C oloração quando novos justifica seu nome, por que possui manchas pretas pelo corpo inteiro, mas conforme eles crescem essas manchas vão desaparecendo e ele vai ficando cinza ou marrom. Parte inferior de coloração amarelo-esbranquiçada. É um dos mais temidos pelos humanos. Atinge 6 m de comprimento e até 1 tonelada de peso.

Habitat: áreas costeiras e em alto mar, a profundidades de até 140 metros ou na superfície. Tolera diferentes tipos de habitat e já foi encontrado em rios e pequenos lagos.

Ocorrência: todo o litoral brasileiro.

Hábitos: nadador ativo, noturno, com um ciclo diário de deslocamento até águas mornas próximas a costa à noite, regressando durante o dia para águas mais profundas, onde permanece até o entardecer.

Alimentação: peixes, tartarugas marinhas, carangueijos, moluscos , mamíferos, passaros que vivem perto do mar, répteis, outros tubarões e qualquer coisa mais que achar. É bem rápido ao atacar sua presa.

Reprodução: ovíparos. Geram mais de 82 filhotes por gestação, que dura 9 meses. Os filhotes nascem com mais ou menos 80 cm e completamente independentes. Esta espécie amadurece entre os 4 e 6 anos de idade e vive pelo menos até 12 anos.

Ameaças: ameaçado de extinção.

Tubarão Tigre | Características Gerais do Tubarão Tigre (Galeocerdo cuvier)

Muito perigosos, como o próprio nome sugere, os tubarões-tigre são reconhecidos pela sua natureza agressiva e incríveis habilidades predatórias. Chamados assim devido à sua pele listrada, os tubarões-tigre são, de longe, o maior membro da sua família. Encontrados com frequência em águas tropicais pouco profundas, os tubarões-tigre se sentem à vontade em estuários lamacentos ou em oceanos temperados, onde caçam qualquer coisa, seja comestível ou não; já foram encontrados no estômago de tubarões-tigre garrafas de plástico, placas de carros, pneus, garrafas de vinho e latas vazias. Seus impressionantes dentes afiados são usados para arrancar pedaços de presas muito maiores que eles, incluindo carcaças de baleias e de outros animais marinhos; e são famosos pela sua capacidade de comer criaturas com carapaças duras, como as tartarugas.

O tubarão-tigre só perde para o tubarão-branco no que se refere ao registro de números de ataques a seres humanos. Seu enorme tamanho, natureza curiosa e hábitos de alimentação incertos o tornam um adversário perigoso, responsável por muitos ataques fatais.

Tubarão Tigre | Características Gerais do Tubarão Tigre (Galeocerdo cuvier)Tamanho máximo: Mais de 5 m / 700 kg

Distribuição: Em águas temperadas e tropicais do mundo inteiro, exceto no Mediterrâneo. Encontrado com frequência em águas pouco profundas e também em mar aberto.

Dieta: Pequenos moluscos, crustáceos, peixes pequenos e lulas.

Reprodução: Ovovivíparos. As fêmeas têm entre 30 e 50 crias.

www.megatimes.com.br