posts e comentários.

HERBÁRIO, O QUE É UM HERBÁRIO

Herbário
Herbário é uma coleção de plantas secas, conservadas entre folhas de papel para permanente consulta. A palavra vem de erva, mas as lenhosas têm também lugar nos herbários, que ampliam sempre seus sistemas e meios de conservação, para abrigar o máximo possível de partes coletadas das plantas.

Sejam organizados por naturalistas amadores ou por instituições científicas, os herbários são peças essenciais de referência para o estudo da anatomia vegetal e a descrição e classificação das plantas.

Para conservar as plantas pelo sistema mais tradicional, é preciso primeiro fazê-las secar sem deformações. Pode-se estendê-las e comprimi-las entre folhas de mata-borrão regularmente renovadas. Obtém-se resultado melhor com calor. Esse processo permite que as cores se mantenham mais próximas dos tons naturais. Podem-se usar também folhas de papel-jornal, que absorvem a água das plantas, mas têm de ser trocadas com maior freqüência para evitar o mofo.

Depois de secas, as plantas devem ser fixadas, com fita gomada, em cartão ou papel resistente. A seguir, as folhas reunidas são protegidas por duas capas de papelão, presas por um barbante ou  fita. As pastas assim obtidas devem ficar a salvo da umidade, da poeira e dos insetos. As amostras devem indicar o nome da planta, classificação e habitat, data e local da coleta, e nome do responsável por ela. Possuem herbários os jardins botânicos mais importantes do mundo, como o de Kew, na periferia de Londres; o de Ithaca, no estado de Nova York; o de Berlim, que sofreu grandes danos na segunda guerra mundial; e o do Rio de Janeiro, inicialmente destinado à aclimatação de plantas exóticas e ao cultivo de especiarias.

Chamam-se também herbários os antigos manuais de botânica, freqüentes na Idade Média, com a descrição, em geral ilustrada, de espécies medicinais. O mais famoso é o De materia medica, de Dioscórides, com a maior parte das pranchas do perdido herbário colorido do grego Cratevas (c. 120 a.C.), a que Plínio o Antigo se refere. O Buch der Natur (1475; Livro da natureza), herbário de Konrad von Megenburg, tem as primeiras xilogravuras botânicas que se conhecem.

Veja mais artigos sobre Botânica:
  1. A BATATA YACON E SEUS BENEFICIOS NUTRICIONAIS
  2. ALCACHOFRA (Cynara scolymus)
  3. ALFACE (Lactuca sativa)
  4. ALFAFA (Medicago sativa)
  5. ALGAROBEIRA (Prosopis juliflora)
  6. ALGAS MARINHAS - PERGUNTAS E RESPOSTAS
  7. ALHO (Allium sativum)
  8. AMARULA OU MARULA (Sclerocarya birrea)
  9. AMEIXA (Prunus domestica)
  10. AMENDOEIRA (Prunus dulcis)
  11. AMENDOIM (Arachis hypogaea)
  12. AMORA, AMOREIRA (Morus nigra)
  13. ARAUCÁRIA (A. brasiliensis)
  14. ARAÇÁ (P. littorale, P. cattleyanum)
  15. ARROZ, HISTÓRIA E PRODUÇÃO DE ARROZ
  16. ARRUDA (Ruta graveolens e R. chapelensis)
  17. AS PLANTAS MEDICINAIS E SUAS CARACTERÍSTICAS
  18. ASPARGO (Asparagus officinalis)
  19. AVEIA (Avena sativa)
  20. AVELÃ (Corylus avellana)
  21. AZÁLEA (Azalea indica ou Rhododendrum indicum)
  22. BABAÇU (Orbignia speciosa)
  23. BAMBU (Bambusa vulgari)
  24. BANANA (M. acuminata, M. balbisiana)
  25. BATATA (Solanum tuberosum)
  26. BATATA-DOCE (Ipomoea batatas)
  27. BAUNILHA (Vanilla planifolia)
  28. BEGÔNIA (Begonia rex, B. semperflorens)
  29. BELADONA (Atropa belladonna)
  30. BENEFÍCIOS NUTRICIONAIS DA QUINOA (Chenopodium quinoa Willd)
  31. BERINGELA (Solanum melongena)
  32. BETERRABA (Beta vulgaris)
  33. BONSAI, ARTE DE CULTIVAR MINIATURAS DE ÁRVORES
  34. BORDO (Acer platanoides)
  35. BROMELIÁCEAS OU BROMÉLIAS
  36. BURITI (Mauritia vinifera)
  37. BÉTULA (Betula pendula, B. papyracea)
  38. CACAU, FRUTO DO CACAUEIRO (Theobroma cacao)
  39. CACTOS, CARACTERÍSTICAS FUNCIONAIS DOS CACTOS
  40. CAFÉ, ORIGEM E PRODUÇÃO DE CAFÉ
  41. CAJU (Anacardium occidentale)
  42. CAMBUCI OU CAMBUCIZEIRO (Campomanesia phaea)
  43. CAMOMILA (Matricaria chamomilla)
  44. CAMPOS
  45. CAMÉLIA (Camellia japonica)
  46. CANA-DE-AÇUCAR
  47. CANELA (Cinnamomum zeylanicum)
  48. CARACTERÍSTICAS DAS ALGAS
  49. CARACTERÍSTICAS DAS PLANTAS ALUCINÓGENAS
  50. CARACTERÍSTICAS DAS PLANTAS ANGIOSPERMAS
  51. CARACTERÍSTICAS DAS PLANTAS CARNÍVORAS
  52. CARACTERÍSTICAS DAS PLANTAS XEROMÓRFICAS
  53. CARACTERÍSTICAS DOS CIPÓS EM BOTÂNICA
  54. CARAMBOLA (Averrhoa carambola)
  55. CARNAÚBA (Copernicia cerifera)
  56. CAROÁ (Neoglaziovia variegata)
  57. CARVALHO (Quercus pedunculata)
  58. CARÁ OU INHAME (D. alata, D. rotundata e D. cayennensis)
  59. CASTANHA (Castanea sativa)
  60. CASTANHA-DO-BRAZIL OU CASTANHA-DO-PARÁ (Bertholletia excelsa)
  61. CEBOLA (Allium cepa)
  62. CEDRO, ÁRVORE DA ORDEM DAS CONÍFERAS
  63. CENOURA (Daucus carota)
  64. CENTEIO (Secale cereale)
  65. CEREJA, ESPÉCIES DE CEREJAS
  66. CEVADA (Hordeum vulgare)
  67. CHUCHU (Sechium edule)
  68. CIPRESTE (Cupressus sempervirens)
  69. COCO (Cocos nucifera)
  70. COGUMELO
  71. COUVE (Brassica oleracea)
  72. CRAVEIRO-DA-ÍNDIA (Syzygium aromaticum, Eugenia caryophyllata)
  73. CRAVO (Dianthus caryophyllus)
  74. CUPUAÇU (Theobroma grandiflorum)
  75. CÂNFORA (Cinnamomum camphora)
  76. CÂNHAMO (Cannabis sativa)
  77. DAMASCO (Prunus armeniaca)
  78. DENDÊ (Elaeis guineensis)
  79. DÁLIA (D. pinnata )
  80. EPÍFITAS
  81. ERVA-DOCE (Pimpinella anisum)
  82. ERVA-MATE (Ilex paraguariensis)
  83. ERVILHA (Pisum sativum)
  84. ESPADA-DE-SÃO-JORGE (A S. trifasciata)
  85. ESPINAFRE (Spinacia oleracea)
  86. ESTRUTURA MORFOLÓGICA DAS FOLHAS
  87. EUCALÍPTO (Eucalyptus regnans)
  88. FAIA (Fagus sylvatica)
  89. FEIJÃO, CULTIVO E VARIEDADES DE FEIJÃO
  90. FIGO (Ficus carica)
  91. FLAMBOYANT (Delonix ou Poinciana regia)
  92. FLOR, TIPOS E CARACTERÍSTAICAS DAS FLORES
  93. FLORA NO BRASIL E NO MUNDO
  94. FLORESTA AMAZÔNICA OU HILEIA AMAZÔNICA
  95. FLORESTAS DE CONÍFERAS
  96. FLORICULTURA, MODALIDADES E FORMAS DE CULTIVO DE FLORES
  97. FOTOSSÍNTESE, CRACTERÍSTICAS DA FOTOSSÍNTESE
  98. FREIXO (Fraxinus excelsior)
  99. FRUTA-DO-CONDE (Annona squamosa)
  100. FRUTA-PÃO (Artocarpus communis)
  101. FRUTO, ESTRUTURA DOS FRUTOS
  102. GAMALEIRA (Ficus doliaria)
  103. GARDÊNIA (Gardenia jasminoides)
  104. GENGIBRE (Zingiber officinale)
  105. GERGELIM (Sesamum indicum) - New !!
  106. GIMNOSPERMAS (coniferófitas, cicadófitas, ginkgófitas e gnetófitas) - New !!
  107. GIRASSOL (Helianthus annuus) - New !!
  108. GLADÍOLO (gladiolus sp) - New !!
  109. GOIABEIRA (Psidium guajava) - New !!
  110. GRAMÍNEAS - New !!
  111. GRÃO-DE-BICO (Cicer arietinum) - New !!
  112. GUABIROBA - New !!
  113. GUARANÁ (Paullinia cupana) - New !!
  114. HISTÓRIA DA BOTÂNICA E CLASSIFICAÇÃO DOS GRUPOS BOTÂNICOS
  115. HISTÓRIA E CULTIVO DO ALGODÃO NO BRASIL E NO MUNDO
  116. JABOTICABA (Myrciaria cauliflora)
  117. JACA (Artocarpus integrifolia)
  118. MORFOLOGIA E FISIOLOGIA DE UMA ÁRVORE
  119. MÉTODOS DE ARBORIZAÇÃO URBANA
  120. O BRASIL VAI FAZER O LEVANTAMENTO TOTAL DAS FLORESTAS DO PAÍS ATÉ 2016
  121. ORIGEM E CULTIVO DOS CEREAIS
  122. PLANTAS (BRIOFITAS, PTERIDÓFITAS E GIMNOSPERMAS)
  123. QUANTOS TIPOS DE BANANAS EXISTEM
  124. QUINOA, PLANTA NATIVA DA COLÔMBIA, PERÚ E CHILE
  125. RELAÇÃO DE PLANTAS MEDICINAIS DO BRASIL E DO MUNDO
  126. SISTEMA ECOLÓGICO DE FLORESTAS
  127. TORANJA (Citrus paradisi)
  128. TREVO (Trifolium hybridum)
  129. TÉCNICAS DE ENXERTO OU ENXERTIA
  130. UVA, CARACTERÍSTICAS DAS VIDEIRAS
  131. VIOLETA (Viola odorata)
  132. YACON (Smallanthus sonchifolius)
  133. ÁLAMO (Populus alba)
  134. ÁRVORE NUCLEAR
  135. ÁRVORE SANGUE-DE-DRAGÃO OU DRAGOEIRO
  136. ÉBANO (Diospyros melanoxylon)


Gostou? Compartilhe: